Pesquisar neste blogue

sábado, 15 de outubro de 2011

Ribeira de São Gregório em Rio Maior

Ribeira de São Gregório.
 
A Ribeira de São Gregório, nasce para os lados de Teira, embora tenha muitas pequenas nascentes que a alimentam ao longo do seu percurso. Na zona da Fonte da Bica (Salinas) também existem vários pontos de água que convergem para esta ribeira.
Desde que a Ribeira de S. Grgório entra na zona da cidade de Rio Maior, segue quase sempre numa vala de betão. Esta entrada faz-se atravessando a Av. Dr. Mário Soares, entre o Estádio Municipal e as Piscinas. Passa junto à Av. Paulo VI, na zona do Centro de Estágios e Formação Desportiva. Acompanha a Rua Poeta Ruy Belo, atravessando a Av. Dr. João Calado da Maia junto ao Jardim Municipal. Passa pelas traseiras do Tribunal e da Igreja Matriz, acabando por se encontrar com o Rio Maior nas traseiras dos edifícios Varandas do Rio.


 Foto da zona em que o Rio Maior recebe a Ribeira de São Gregório:
 
A Ribeira cedeu o seu nome à Urbanização de S. Gregório que se encontra junta a esta, mesmo antes de entrar na zona do Jardim Municipal e que foi construída pela empresa SOCORIL em 1992. Por coincidência, o empreendimento Varandas do Rio, também foi construído pela empresa SOCORIL, mas inaugurado em 11 de Junho de 2003.

 
As margens da ribeira têm sido alvo de vários projectos de requalificação de modo a tornarem a sua existência mais prática (criação de passeios pedonais, ciclovia, locais para estacionamento) e mais bonita com a introdução de vegetação.


Apesar do baixo caudal de água que normalmente flui pela vala da ribeira, existem pessoas que a confundem com o Rio Maior, pois a cidade infelizmente tornou o seu rio invisível, apesar de este a atravessar.

Sem comentários:

Enviar um comentário